Eu
BRASIL, Sudeste, SAO CAETANO DO SUL, SANTA MARIA, Homem, de 12 a 15 anos, Portuguese, English, Música, Livros, Cinema , Futebol , Internet e + Música
MSN - mutatismutante@hotmail.com


Arquivos

- 01/12/2006 a 31/12/2006
- 01/11/2006 a 30/11/2006
- 01/10/2006 a 31/10/2006
- 01/09/2006 a 30/09/2006
- 01/08/2006 a 31/08/2006
- 01/07/2006 a 31/07/2006
- 01/06/2006 a 30/06/2006
- 01/05/2006 a 31/05/2006
- 01/04/2006 a 30/04/2006
- 01/03/2006 a 31/03/2006
- 01/02/2006 a 28/02/2006
- 01/01/2006 a 31/01/2006
- 01/12/2005 a 31/12/2005
- 01/11/2005 a 30/11/2005
- 01/10/2005 a 31/10/2005
- 01/09/2005 a 30/09/2005
- 01/08/2005 a 31/08/2005
- 01/07/2005 a 31/07/2005
- 01/06/2005 a 30/06/2005
- 01/05/2005 a 31/05/2005
- 01/04/2005 a 30/04/2005
- 01/03/2005 a 31/03/2005
- 01/02/2005 a 28/02/2005
- 01/01/2005 a 31/01/2005
- 01/12/2004 a 31/12/2004
- 01/11/2004 a 30/11/2004
- 01/10/2004 a 31/10/2004
- 01/09/2004 a 30/09/2004
- 01/08/2004 a 31/08/2004
- 01/07/2004 a 31/07/2004
- 01/06/2004 a 30/06/2004
- 01/05/2004 a 31/05/2004



Outros

- Artificial Flavored
- Brincando com Palavras
- Caldeirão do Mago
- Discoteca Básica
- Duro na Queda
- Jack Não Tá Fazendo Nada...
- Lulu On The Sky
- Metamorphoses
- Micha Descontrolada
- Museu de Tudo
- My Girl
- No Congelador
- Nós por Nós
- O Blog do Szum
- Observador
- Opiniões Femininas
- Paulamar
- PERNAMBAIANO
- Putz Putz
- Ramsés Séc. XXI
- Under Pressure
- Vivendo Um Dia De Cada Vez
- Uma Janela
- Antigas Ternuras
- Beijo!


Votação

- Dê uma nota para meu blog

Indique esse Blog


Visitas

Créditos

No More Tears®



Ever on Fridays

Tô falando... as sextas feiras são sempre os melhores dias da semana. Hoje , tô só esperando o Will chegar aqui pra gente ir pra casa do Alvarot. Pena que a mãe dele é uma exagerada e vai pegar a gente às cinco horas. E eu vou ficar sem PC durante o fim de semana , acredito eu. Meu pai ainda não acabou o meu PC e vai devolver o do meu amigo , porque ele está precisando. Lá vamos nós intensificar os estudos de violão e acabar os livros... :D EEEEE!

E a dica dessa sexta é uma das coisas mais bizonhas já vistas pelo Mutante. Manja funk carioca? Entonces... agora tenta imaginar isso com uma guitarra zoando no meio? Pois isso é o Bonde do Rolê , formado por uma vocalista e dois outros membros , oriundos de Curitiba. Foi citada na Rolling Stone como uma das 10 bandas quentes do momento e fez um disco muito interessante , Melô do Tabaco. É Tati Quebra Barraco com Ramones - guitarras de três acordes e letras mais maliciosas o possível. Destaques:Melô do Tabaco , Funk da Esfiha e Melô do Tabaco Instrumental.

Então , oh mamma mia , let me go!

Rolando na Vitrola:Take Me Out(FF)/Somebody Told Me(Killers)/Somos Amigos(é assim?) (Balão Mágico)

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 13h46
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




Riguiriguirigui el trovador

Me mate. Me dê um tiro. Vamos! Alguém me disse , você tinha um namorado que parecia uma ex-namorada minha. Nada melhor que o rock'n roll independente , não é verdade? Sei lá bicho! O que me fez chorar foi que esse ano já passou. E eu continuo andando sozinho por essa avenida. Ah , como eu adoro mensagens cifradas!

Aula de teoria musical hoje foi um show à parte. Colega robert levando amiga mais robert ainda , professor imitando Marjorie Estiano e Edson Cordeiro perfeitamente , um bruno de mala fazendo perguntas sem sentido. Mas foi tudo tranqüilo , exceto a hora que a aula acabou:20 minutos adiantado.

A trama da "Grande Arte"(Rubem Fonseca) tá cada vez mais divertida. E por falar em trama , a trama do meu romance tá saindo até... mas não vou divulgar nada e acho que vou mexer um pouco naquele prólogo que postei ontem. E por falar em Trama , vai ter reedição do "Tim Maia Racional" pela Trama e eu ainda preciso comprar o ingresso do CSS , que foi revelado na Tramavirtual.

1.2.3.4.5 Take Me Out

Rolando na Vitrola:Somebody Told Me(Killers)/Take Me Out(Franz Ferdinand)

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 22h00
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




Arquiduque

Enfim o arquiduque me pegou. E foi me levando pra sair fora , é claro! Mas ainda espero o que pode ser melhor que isso. Os matadores vieram , junto com a festa do quarterão e os ex-libertinos. Na verdade , isso é tudo uma frase cifrada. O arquiduque é Franz Ferdinand , a canção é "Take Me Out" e a espera é o disco deles , que tá baixando no eMule aqui de casa , junto com Bloc Party , Killers e Babyshambles , todas as dicas dadas pelo Szum.

Tá difícil pra sair o conto que quero escrever à la Nick Hornby. O problema é que eu nunca li um livro direito do Hornby , apenas uns pedaços de textos do "31 Canções" e os filmes baseados em seus livros , "Um Grande Garoto" e "Alta Fidelidade". Outro problema é achar repertório atual suficientemente bom para narrar uma história de amor adolescente. Não sei se fico só com canções nacionais ou jogo algumas nacionais. Por enquanto , tem GRAM , Bidê ou Balde , Cachorro Grande , Ludov , Rock Rocket , Tianastácia e Som da Rua. Alguma sugestão? O único requisito é que a canção tem que ser de amor , o conjunto relativamente novo e ter um nome inusitado. Abaixo , vai um prefácio/prólogo que eu já escrevi... serve também como texto de apresentação , a famosa orelha da frente.

"Tudo começara naquele verão. Um amigo meu , vendo que eu gostava de música , decidiu gravar um cd para mim com algumas bandas de nomes estranhos e canções mais ainda. Desinteressado , acabei jogando o disco no fundo de uma gaveta. Mal sabia eu , que , tempos depois , as músicas ali contidas seriam a minha salvação.

Após muito pensar e refletir , decidi contar minha história. Cada uma de suas partes é guiada por uma música daquele disco. E estranhamente , a sequência das músicas era totalmente exata à minha necessidade. Portanto , ao ler a história , vocês terão a sequência exata do disco. Recomendo antes de iniciar a narração , que a história seja lida ao som dessas músicas. Perdoem os meus erros por favor , já que a emoção é maior que a razão nestes momentos."

Indie Rock'n Roll for Me!

Rolando na Vitrola:Indie Rock'n Roll(Killers)/Girls Just Wanna Have Fun(Cindy Lauper)

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 20h48
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




Ao Som do Cerrado

Ano passado eu já tinha falado deles , quando opinei sobre os 10 melhores discos nacionais. Mas vou reforçar a dica. O Som da Rua , com seu cd "Músicas Para Violão E Guitarra" , provou ser uma ótima banda , seja nas letras de Liô Mariz ou nas melodias geradas pelo resto da banda carioca. Destaques para "Só Uma Canção" , que displicentemente diz:"isso é só uma canção de amor" , "Ninguém Aqui" , cuja introdução lembra "Let It Be" , dos Beatles , e "O Que Se Chama". Pena que ano passado , após um acidente de carro , Liô Mariz(na foto , o do meio) , guitarrista , vocalista e principal compositor da banda(futuro hit-maker) morreu. Fica agora o aguardo para o novo vocalista e para ver se a banda estoura ou some.

Palocci caiu. E apesar de todas as acusações contra ele , isso é ruim. Não digo pra política , mas pra economia. Estava vendo seus números no Bom Dia Brasil , hoje de manhã. São impressionantes... o cara reduziu a inflação , triplicou o superávit e pagou a dívida externa adiantado. Só faltaram os juros e subir um pouco o PIB. Mas se tudo der certo , Palocci armou a cama econômica pra que Alckmin viesse e construísse tudo de novo.

O computador do meu amigo dá para o gasto. O problema é que eu sou viciado em música e preciso de um volume mínimo pra ouvir as músicas aqui no computador. Só que a placa de som só aguenta menos que esse mínimo. E olha que eu ouço baixo até. Das duas uma... ou aperto o fone de ouvido na orelha ou então peço pra ninguém fazer barulho... :D E hoje acaba o BBB. Ainda bem , não aguentava mais os meus colegas conversando sobre essa besteira e eu boiando na conversa. E a gente pode continuar conversando em paz até o ano que vem.

Você padece do que te satisfaz.

Café Pequeno:Violinos e livros velhos. Outro lado. Fox. Love.

Rolando na Vitrola:Il Maledito(Violins)/Glória(Violins)

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 21h12
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




Presente

Renato Russo - Presente - 2003

Hoje , se Renato Russo estivesse vivo , estaria completando 46 anos. E a gente ainda teria vivo um dos maiores poetas da música brasileira. Mas pelo menos ele deixou algumas gravações inéditas , que fizeram a festa dos fãs em 2003 , com este disco "Presente".

O disco se abre com a batidaça pop-song que Renato compôs junto com Flávio Venturini , ex-14 Bis , para o último disco deste na banda: "Mais Uma Vez" é uma bela canção ao melhor estilo de Renato e suas frases auto-ajuda. A canção vem em duas versões , uma com o acompanhamento da banda mineira e outra com a instrumentação regravada em cima da voz do cantor.

Um dos grandes recursos usados para este CD foi o uso da tecnologia. Seja no dueto com Leila Pinheiro "Hoje" ou no blues originalmente regravado pelo Barão Vermelho "Boomerang Blues" e com apoio instrumental do conjunto Blues Etílicos , um dos maiores baluartes nacionais no ritmo. É a tecnologia que aparece também em "Cathedral Song" , que une a versão em inglês de Renato para o CD "Stonewall Celebration Concert" com a tradução feita por Zélia Duncan em seu disco de 94 e em "Thunder Road" , regravação de Russo para o clássico de Bruce Springsteen.

O resto do disco é completado por participações especiais do líder da Legião Urbana em discos de outros artistas , como na interpretação de roubar a cena em "A Cruz e A Espada" , no disco de Paulo Ricardo(RPM) , ou na balada cultbrega de Erasmo Carlos , "A Carta" e na regravação correta de "Gente Humilde" , com o auxílio luxuoso de Hélio Delmiro no violão. Sobrava tempo ainda pra "Quando Eu Estiver Cantando/Endless Love" , gravada ao vivo no projeto Viva Cazuza e para três entrevistas concedidas por Renato ao tablóide musical International Magazine.

Ao contrário do que foi ventado pela crítica na época de seu lançamento , este disco foi , com o perdão do trocadilho , um presente para os fãs saudosos de Renato , como este que vos escreve. Renato Russo morreu há quase dez anos e ainda deixa muitas saudades , principalmente nesse cenário pop brasileiro onde predominam chorões louvando o "intelecto de cu é rola" e camelos tentando fazer poesia mas não passando de meras frases jogadas ao vento.

Oh oh oh thunder road...

Café Pequeno:Agora é oficial. O técnico-patriarca de casa decidiu parar o computador. Mas , antes disso , pegou emprestado um computador de um amigo que estava meio parado(o computador , claro). Não é aquela Brastemp , mas dá para o gasto. Fato é que estou sem os favoritos e vou apenas responder os comentários de quem comentou nesses últimos três dias. Sim , reconheço que folguei bastante e esqueci-me dos amigos , mas prometo recompensar essa falha. E Dil , a música não foi uma homenagem , mas sim apenas um registro que fui no show do Renato Teixeira ontem - excelente , por sinal - e ele cantou essa musicaça ainda inédita , uma versão do clássico "Father and Son" , de Cat Stevens. Amanhã , mais comentários sobre o show.

Rolando na Vitrola:Quando Eu Estiver Cantando(Renato Russo)/Court and Spark(Joni Mitchell)

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 22h17
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




Those school days

Antes de começar , gostaria de avisar que isto é uma...

Reunião da Família Morcegos - Minha Profissão

Não sei se vocês sabem , mas eu ainda sou um mero estudante de 8ª série e não tenho muito em mente a profissão que vou seguir. Só tenho certeza que não será um caminho onde se usem muito as ciências biológicas , a quem tenho total horror.

Minha cabeça é tal estranha que me divido entre Jornalismo , Música , Produção Musical(curso que o Zé Maria disse que existe e que fiquei muito interessado) , História , Estudos Literários e o que mais vier à cabeça. Outra idéia que tive é inventar de ser músico , mas aí é preciso muito aprendizado e eu não sei se dá certo.

A cada nova profissão que imagino , passo os dias fantasiando ilusões que só existem na minha insana cabecinha. Seja como for , há que se pensar rápido nisso , porque logo logo já estou no colégio e aí começa a pressão pro vestibular...

Enquanto isso , deixem a Lulu cantar no meu ouvido a música tema do "Ao Mestre Com Carinho" e o Elton John gritar que precisa de uma professora. Right? So teacher I , teacher I , teacher I need you.

Essa foto foi totalmente ressucitada. Tem uns dois anos já , mais ou menos. Da esquerda pra direita , Marcelo , Caue , Zé , Mut , Augusto(acima) e Will. Quem tirou foi a professora de história... vejam só... :D

'cause Mona Lisa and Mad Hatters...

Rolando na Vitrola:Pai e Filho(Versão de Renato Teixeira pra "Father and Son" , de Cat Stevens)/Tiny Dancer(Elton John)

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 22h44
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




Sing Sing Sing

Já disse a vocês que sou o maior perdido no assunto bandas recentes? Posso saber as grandes bandas dos anos 70 , mas pouco sei dos anos 90. Uma boa pedida pra começar é a coletânea do Travis , banda que cantou "Sing" no Live8 , ao lado do Richard Ashcroft. Ou ainda o disco "Parklife" , dos ingleses do Blur. Pra quem gosta de Kaiser Chiefs , Cachorro Grande e Gorillaz é uma ótima pedida. Primeiro ouça "Girls and Boys" , hit do disco , e depois ouça o resto.

Não sei , mas fiquei bastante confuso pra rascunhar o conto. Talvez sejam as velhas emoções que não tenham me agradado ao voltar. Fui então tentar escolher a história com meu amigo , mas o cara é mais obtuso que eu e não conseguiu ajudar. Acho que a saída é escolher uma pá de canções atuais , inventar um alter ego meu , uma alter ego pra namorada dele e ambientar tudo nos nossos tempos e intitular como "Crescendo no Século XXI". Alguma sugestão para a trilha sonora?

E por falar nisso , gostaria de propor aqui um tema para o post comunitário da Micha. Ao organizar as canções ontem , pensei:existem canções que marcam nossas vidas. É como se a nossa vida fosse um filme - se fosse mesmo , eu queria que a direção fosse do Cameron Crowe ou do Ridley Scott - e tivessemos que escolher uma trilha sonora. Portanto , a pergunta chave para o post seria "Se a sua vida fosse um filme , qual seria a trilha sonora?". Fica aqui minha sugestão.

My name is Jonas!

Café Pequeno:Definitivamente , o verso mais presente na minha vida atualmente é "Pessoas na minha vida parecem sumir , mas insistem em voltar".

Rolando na Vitrola:Sing(Travis)

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 21h46
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




Quaaludes

Já cheguei à conclusão que as sextas-feiras tem sido os melhores dias ultimamente. Semana passada , combo Bienal do Livro e show do Santana. Essa , jogo na escola que foi uma beleza e almoço no SESC com o Will. Comida boa , barata e que enche a barriga. O problema foi aguentar as piadas dele... :D. E por falar em SESC , domingo tem show do Renato Teixeira , que compôs "Romaria" , tocada magistralmente pelo baixista do Santana sexta passada.

I'll be read , I'll be read. Há uns dias que eu ando numa febre do Cansei de Ser Sexy. Não sei se é pela falta de coisas novas , mas acho que não. A voz da Lovefoxxx é que é uma beleza e os vocais da Clara , a outra vocalista , também são excelentes. Andei catando umas músicas delas(es , não se esqueçamos do bateraman Adriano Cintra) que não entraram no cd oficial. O som tá tosco demais , e é bem mais garageiro , mas é nos shows que as bandas mostram sua cara. E eu já disse que vou levar uma faixa no show deles , no feriado de Tiradentes , onde estará escrito: "Lovefoxxx , me ensina a ser sexy".

Estava eu vendo "Quase Famosos" , um dos meus filmes favoritos e pensei comigo: há alguns personagens que todos nós já quisemos ser. Eu queria ser Kevin Arnold , do Anos Incríveis. Eu queria ser Doug. Eu queria ser William Miller , do Quase Famosos. Eu queria ser Rob Fleming , do Alta Fidelidade. Eu queria ser Cássia Eller. E você?

Este que vos escreve pretende ingressar na literatura mais séria com contos à la Nick Hornby. Na verdade eu fiquei muito influenciado pelos contos do André Takeda e o cara escreve que nem o Nick Hornby , daí liguei uma coisa à outra. Preciso agora é caçar uma lista de canções que fiz tempos atrás e guardei no meu exemplar de "O Hobbit" , do Tolkien. Em breve , na padoca mais próxima de você...

Você é muito doce para o rock'n roll , querido!

Café Pequeno:Os metaleiros também amam. Uba Uba Uba. The goalkeeper is very bad , and I can't shoot right. Run Run Run.

Rolando na Vitrola:Ive Brussel(Jorge Ben)/Tiny Dancer(Elton John)

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 21h17
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




Ela curte Smiths , pô!

A vida é engraçada. Vocês lembram de quando eu falava que tava gostando de uma menina , há uns 6 meses atrás? Uma das coisas que eu mais queria naquela época era poder conversar à toa com ela , ouvir sua voz , até mesmo por telefone. Hoje , já desencanado , enquanto cuidava da minha irmã , a menina me liga pra perguntar uma simples lição de física. E ainda deixa telefone pra contato. Como já dizia Jorge Ben , "o telefone tocou novamente".

Essa vai pra Magui. Tava eu aqui ouvindo os Fine Young Cannibals , banda que fez muito sucesso nos anos 80 com o hit "She Drives Me Crazy" e descobri no primeiro disco deles uma versão soul e muito própria do grupo de Roland Gift de um dos maiores sucessos de Elvis , "Suspicious Minds". Não vou entrar no mérito de escolher a melhor. São versões diferentes - o timbre de Gift é bem mais agudo que o de Elvis , que usa mulheres no coro , ao invés dos membros de apoio do FYC na versão oitentista.

Se ontem eu falei sobre as K-Sis , hoje a dica é o Audioslave e seu disco "Out of Exile" . Formado por ex-membros do Soundgarden e do Rage Agains the Machine , a banda faz um bom hard rock , que lembra(lembra somente!) os bons tempos do Led Zeppelin , se bem que a melhor música do disco é um rock tranquilo que cresce no refrão e volta a ser tranquilo nos versos , "Doesn't Remind Me".  O clipe da música também é bem legal , com um menininho lutando boxe e fazendo aviões de papel.

Hoje , enquanto ouvia o disco do Audioslave , descobri os contos de um cara chamado André Takeda. O cara escreve muito bem , no melhor estilo Nick Hornby da coisa. Eu , que nunca li nenhum livro de Hornby , mas vi "Alta Fidelidade" e "Um Grande Garoto" , inspirados em seus livros , digo. Os personagens são tão complexados e adoram música tanto quanto o Rob Flemming de John Cusack e o Mutante que vos fala. Pra começar , indico os contos que estão no site dele , www.spectorama.com - o título é uma homenagem a Phil Spector , grande produtor dos anos 50 e 60 - ou a sequência em dez capítulos , "Um Adolescente nos Anos 80" , que está no site www.screamandyell.com.br - um dos melhores sites da net sobre cultura pop.

Doesn't remind me anymore

Rolando na Vitrola:Doesn't Remind Me(Audioslave)/Superafim(Cansei de Ser Sexy)

Café Pequeno:Eu é que preciso de um café e um guaraná.

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 21h54
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




Já dizia o velho Newton...

É engraçada a nossa vida. Nunca pensei que ia quase cair em lágrimas ao ouvir "To Sir With Love" , tema do filme "Ao Mestre Com Carinho" , em que o Sidney Poitier faz um professor que chega a uma escola pobre de Londres e... bem , deixa pra lá. Se vocês quiserem conhecer o filme , procurem-o. Talvez por minha mãe ser professora a música ligou-se à pessoa de tal forma que.... não interessa. Deixa a Lulu - não é a do céu , é a cantora mesmo - cantar a música... "those school days..."

Eu vou retomar o assunto K-Sis hoje. Bem , um breve comentário sobre o disco é bem fácil de fazer. Rock adolescente um pouco mais inteligente que a média , apesar das rimas toscas de "Rima Pobre" e do monte de palavrões , principalmente nos refrões de "Tem Dias" , a melhor música do disco , e de "Conselho de um Chapado". Quando não falam besteiras , surge um pop romântico , como em "Mundo Escuro" e no blues de branco de "Beijos Blues e Poesia". O som é bem fabricado , mas e daí? O importante é que eu gosto...

Andava eu na biblioteca do inglês e achei uma coleção bem legal , toda em capa dura , com literatura contemporânea brasileira e estrangeira. Pra começar , catei um do Rubem Fonseca , "A Grande Arte" , por já estar familiarizado com o personagem principal , Mandrake , através da série da HBO. O livro é altamente devorável , porque Fonseca , apesar da linguagem refinada , trata de assuntos bem populares:sexo e crimes.

Segundo o noticiário do UOL , o grupo ETA decidiu fazer um cessar fogo permanente. Isso tá virando onda na Europa ou é impressão? Não sei , porque o IRA , irlandês , também decidiu parar de usar de meios não-pacíficos para sua luta. Em todo caso , vamos brindar o fato ouvindo "Spanish Bombs" , do Clash , que apesar de inspirada na Guerra Civil Espanhola do General Franco , serve muito bem para o momento. Ou ainda "Give Peace a Chance" , do mestre Lennon.

Quem me encontrar , por favor me devolva-me!

Café Pequeno:Acho que eu definitivamente acabei com as seções fixas do blog... e isso é ótimo!

Rolando na Vitrola:Otherside(RHCP)/To Sir With Love(Lulu)

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 20h41
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




Mut Park

Antes do post , uma breve explicação sobre o PC. Há algumas semanas , meu pai vem querendo parar o computador. Aviso a todos vocês que vou parar , me preparo e ele me anuncia sempre que desiste e vai fazer na próxima semana. Portanto , se eu desaparecer depois de um "Padeiro Recomenda" , vocês já sabem onde estou , OK? Não vou mais falar que vou ficar sem PC. Assim fica chato demais , né?

Aliás , tirando essa declaração sobre os PC's , o post não tinha nada demais. Até ia querer falar sobre o disco das K-Sis , que apresentam o Disk , na MTV , mas música por dois dias seguidos ninguém aguenta. Fica prum próximo dia. Então , aproveitando o espaço gratuito , vou postar a versão South Park do Mut. Eu apelidei de Mut Park... :D

Tem dias que a noite é foda , mermão!

Café Pequeno:K-Sis é pop , é adolescente , é sofisticado , é bem-tocado , é riffeiro e é roqueiro. Tudo bem que ninguém vai gostar , mas deixa pra lá. O importante é que tem dias que a noite é foda.

Rolando na Vitrola:Tem Dias(K-Sis)/Rima Pobre(K-Sis)

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 21h48
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




Cosmotron

Cosmotron - Skank - 2003

O Skank é pop. Mas resumir o que é pop não é tarefa fácil hoje em dia. Talvez por isso que o Skank seja tão bom , ao misturar diversas influências , do pop dos Beatles à sonoridade setentista de sintetizadores com eletrônica e música indiana. E tudo isso no mesmo disco , "Cosmotron" , de 2003 , e até na mesma faixa.

O que já era bom em "Maquinarama" - o rock soando mais alto , no lugar do ska/reggae/sambarock do começo de carreira - ficou ainda melhor. Os metais aparecem em poucos momentos , dando lugar às boas guitarradas de Samuel Rosa(guitarra e vocais) e o pano de fundo de seus companheiros Henrique Portugal(teclados) , Lelo Zanetti(baixo) e Haroldo Ferreti(bateria).

"Supernova" é ficção científica com George Harrison fase "My Sweet Lord" e intervenções de eletrônica , enquanto "As Noites" usa de uma introdução à la "Let It Be" e um violão como pano de fundo para falar de uma decepção amorosa. "Pegadas na Lua" é um pop-rock radiofônico da melhor qualidade , característica que persiste em "Amores Imperfeitos" , que retoma o tema de "As Noites" , porém com um certo remorso("Mentira se eu disser que não penso mais em você").

"Por Um Triz" é trama de guitarras e bateria pulsante , com refrão britpop , exatamente o que devia estar fazendo o Oasis - por falar nisso , Samuel Rosa se parece com os irmãos Gallagher , ou não? "Dois Rios" , parceria entre Rosa , Lô Borges e Nando Reis , é Milton Nascimento com Beatles e letra romântica e lírica , graças a Nando:"Que os lábios sejam/Dois rios inteiros/Sem direção".

"Nômade" é música indiana , é eletro-house e temática viajante:"A minha casa está onde está o meu coração". "Vou Deixar" , o grande hit do disco , é pop anos 70 por excelência , com direito a alguns corinhos à la Blur. "Formato Mínimo" é uma balada que reverencia Chico Buarque no que diz respeito à métrica e a rimas - com frases acabadas em proparoxítonas , tal como em "Construção" , obra-prima do carioca.

"Os Ofendidos" é um hard rock/reggae , que resgata um pouco o som do início da banda , melodia acelerada e letra destemida. "É Tarde" é uma bossa século XXI , com as famosas interferências eletrônicas - parece que alguém andou ouvindo Bebel Gilberto. "Sambatron" é um eletrosamba , como diz o título , misturando referências de Jorge Ben com o drum'n bass.

Vale destacar aqui as boas letras de Chico Amaral , letrista da banda e a produção exemplar de Tom Capone. Agora , só nos resta esperar o novo disco da banda , previsto pra sair no meio desse ano. Se for tão bom quanto "Cosmotron" , pode ter certeza:a chance de ser o melhor disco de 2006 é grande.

Cosmotron - 6º disco do Skank. Skank é Samuel Rosa(voz e guitarras) , Haroldo Ferreti(bateria) , Lelo Zanetti(baixo) e Henrique Portugal(guitarra , vocais e teclados). Produção de Tom Capone e Skank. Tracklist:Supernova , As Noites , Pegadas na Lua , Amores Imperfeitos , Dois Rios , Nômade , Vou Deixar , Formato Mínimo , Resta Um Pouco Mais , Os Ofendidos , É Tarde , Um Segundo , Sambatron.

Run , run , run James , run!

Café Pequeno:Agora é oficial:vou ficar sem PC. Mas vou passar na LAN , provavelmente quarta feira , e fazer algo que preste. OK?

Rolando na Vitrola:Girls and Boys(Blur)/Love's A Game(Magic Numbers)

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 15h41
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




O Padeiro Recomenda... - Edição XXIII

Cotações

-Ótimo
-Bom
-Mais ou Menos...
-Ruim
-Horrível

Música

Marvin Gaye - What's Going On - 1971

Lançado em 71 , esse disco é um dos maiores álbuns já feitos. (Re)Inventando a soul music , com vocais sobrepostos , metais , bateria pulsante , baixo marcante e letras cabeça , mas sem deixar de lado o romantismo , Gaye faz um retrato da negritude americana e da vida nos guetos , pedindo liberdade às crianças e perdão à natureza.

Nando Reis & Os Infernais - MTV Ao Vivo - 2005

Já se foi dito e há que se repetir:Nando Reis é o maior hitmaker que esse país já viu. Pelo menos no século XXI. Esse disco , gravado no Bar Opinião , em Porto Alegre , compila quase todos os grandes hits do cantor , sejam eles de sua própria carreira("A Letra A" , "Meu Aniversário") , faixas dos Titãs("Marvin" , "O Mundo É Bão Sebastião") , de Cássia Eller , sua principal intérprete("O Segundo Sol" , "Luz dos Olhos" , "All Star") ou novas faixas("Quase Q Dezoito" , "Por Onde Andei" , "Mantra"). Tudo bem que muita gente vai evocar a presença de Lulu Santos , mas Nando é mais acessível.

Universo ao Meu Redor/Infinito Particular - Marisa Monte - 2006

Conhecem aquele velho ditado , que dizia:"A expectativa é do tamanho da decepção"? Pois foi justamente o que aconteceu nesses dois discos da Marisa Monte. O que "Memórias..." , de 2001 , tinha de bom , esse aqui perdeu. E o que tinha de ruim , acrescentou. Falta um hit pop , pois as melodias são sofisticadas demais , falta ecletismo , apesar do bom samba rap "Statue of Liberty"(Byrne/Marisa) no disco de sambas  , falta vigor na voz da cantora e faltou ousadia na produção. É por essas e por outras que Cássia Eller faz muita falta...

Literatura/Quadrinhos

Literatura em Quadrinhos no Brasil  - Álvaro de Moya, Moacy Cirne, Naumim Aizen e Otacílio D' Assunção - Ed. Nova Fronteira

Uma das minhas aquisições na Bienal do Livro , esse livro , que é baseado no Acervo da Biblioteca Nacional , documenta a história dos quadrinhos no Brasil. Muito bem ilustrado e comentado , o livro comenta tanto os quadrinhos nacionais , como os de Ziraldo e Henfil , tanto os estrangeiros , como Flash Gordon e cia. Parabéns aos autores e à BN , por essa iniciativa!

You're the legal man...

Rolando na Vitrola:A Century of Elvis(Belle & Sebastian)/God Of Love(Marvin Gaye)/BMW(Santana)

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 19h09
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




Teach Me

Pessoas da minha vida parecem sumir , mas insistem em voltar. É impressionante como isso acontece. Pessoas que eu pensava que nunca mais veria - um colega de pré primário , um avô do meu principal desafeto - aparecem do nada e voltam totalmente metamorfoseados. Ou será que eu que mudo constantemente e não vejo a evolução natural das coisas?

"Lovefoxxx , me ensina a ser sexy". Alguém me lembra de fazer um cartaz desses pra levar no show do CSS , em abril , aqui no SESC Santo André? O silêncio me atrapalha , essas pessoas todas estão falando mas eu não consigo ouvir. Estou fora do ar?

Sou caipira , pirapora , nossa senhora. Inacreditável como a música brasileira aparece em cada lugar. Ontem foi no show do Santana , quando ficaram só baixista e baterista no palco e o baixista improvisou "Romaria" , do Renato Teixeira. Aliás , esse show foi sensacional.

Teve discurso pacifista à la Bono Vox , recomendações musicais(Dylan , Marley , Marvin Gaye e John Coltrane) , solos de bateria impressionantes(teve uma hora que o baterista , Denny Chambers , ex-Parliament/Funkadelic ,  parou com as baquetas e tomou um Gatorade e voltou no mesmo ritmo) e os solos sensacionais do Santana e seus fraseados - sobrou espaço pra "Sunshine Of Your Love"(Eric Clapton) , "Aquarela do Brasil"(Ary Barroso) e "Owner of Lonely Heart"(Yes). Mas o melhor de tudo ainda foi o final , apoteótico com "Evil Ways" , do primeiro disco , e "A Love Supreme" , do mestre do jazz John Coltrane.

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 22h35
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




Capítulo XX , Versículo XX , Século XXI

1º Legião Urbana - O Descobrimento do Brasil - 1993
2º Pato Fu - Televisão de Cachorro - 1997
3º Skank - Maquinarama - 2000
4º Cássia Eller - Cássia Eller - 1994
5º Wander Wildner - Baladas Sangrentas - 1996
6º O Rappa - Lado B Lado A - 1999
7º Paralamas do Sucesso - Hey Na Na - 1997
8º Pato Fu - Isopor - 1999
9º Titãs - Acústico - 1997
10º Caetano Veloso e Gilberto Gil - Tropicália 2 - 1992

Uma lista um pouco mais pop que a internacional , aparecem vários ritmos , seja ele o pop fofinho do Pato Fu , com "Televisão de Cachorro" e "Isopor" , o pop pôr-do-sol dos Paralamas em "Hey Na Na" , o rock/reggae/samba/soul/funk do Rappa em "Lado A Lado B" , o punk-brega-trovador de Wander Wildner , a miscelânea de Cássia em seu disco de 94 unindo samba a soul e rock oitentista , a quase coletânea de sucessos do Titãs no seu "Acústico" , decorativo para alguns , ótimo para outros , o pop-rock do Skank pós reggae e a MPB de Caetano e Gil 25 anos após a tropicália. E em primeiro lugar , o rock lírico e poético da Legião Urbana no disco que simbolizou a era Collor. Da minha seleção inicial , ainda constavam dois discos da Marisa Monte , dois do Skank , um do Gil , um do Lenine , um do Rappa , um da Cássia , o do Mamonas Assassinas e o Capela do Brasil do Trio Esperança.

Cosmo... cosmotron

Rolando na Vitrola:É Amanhã(GRES União da Ilha)/O disco inteiro do Skank , "Cosmotron"

Café Pequeno: O líquido fervente , manhãs e os pingos nos is. Só o amor pode juntar o que o desejo separou. Isso é o que o Oasis devia fazer. É bem provável que eu não apareça amanhã. Escola+Almoço+Bienal do Livro+Santana. AHHHHHHHHHHHHHHHHHH!

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 22h07
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




1055



Não é segredo pra ninguém que o carnaval brasileiro é sustentado por três coisas: patrocínio privado ou estatal , gringos e jogo do bicho. Mesclando realidade e ficção , a série "Filhos do Carnaval" conta a saga de Anésio Gerbara(Jece Valadão) , um tradicional bicheiro que patrocina a Mocidade Independente , e de seus filhos Anesinho(Felipe Camargo) , Claudinho(Enrique Diaz) , Nilo(Thogun) e Brown(Rodrigo do Santos).

Só que Anesinho , o filho preferido do bicheiro , se mata no primeiro episódio e os outros três restantes acabam por disputar a preferência do pai. Tudo normal , se Nilo e Brown não fossem filhos bastardos e , respectivamente , segurança de Anésio e mestre de bateria da escola. O resultado é uma mistura de "Poderoso Chefão" com "Sopranos".

A direção geral é de Cao Hamburguer , roteirista de "Castelo Rá-Tim-Bum" e a produção foi feita em conjunto com a produtora O2 , que também fez "Cidade de Deus". Não raras são as semelhanças entre o filme e a série , que custou à emissora americana HBO , que exibe a série aos domingos às 22h e a reapresenta às quintas , no mesmo horário , e à produtora , R$6,5 milhões , o mesmo de "Mandrake".

Após assistir os dois primeiros episódios da série , chegamos a uma única conclusão: Valadão é o cara!

Hoje janela aberta pro amanhecer...

Rolando na Vitrola:Meu Computador Não Funciona(Mutantes)/Pela Cidade(Evinha)/Gramática(Palavra Cantada)

Café Pequeno:Apesar da canção acima , o técnico/pai desistiu de arrumar o computador. Fica pruma próxima oportunidade. O que interessa é que sexta-feira tem Bienal do Livro e Santana!

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 21h29
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




Poetica

Agradeço ao amigo Will por ter me deixado postar hoje... e o Infinito Particular da Marisa Monte é uma bomba. Vamos ver se o que orbita em torno dela é bom. Enquanto isso , vamos numa metalinguística poesia em homenagem ao dia da poesia.

Poetica
Bruno Capelas

Queria como Bilac
Ouvir estrelas
Queria como Drummond
Perguntar aos Josés
Queria como Camões
Prosar sobre as navegações
Queria como Moraes
Ver a garota que passa

Tal como outros
Sou um ingênuo poeta
Minha poesia é estranha
Ora comum , ora concreta

Queria como Dante
Descobrir o Inferno
Queria como Neruda
Cantar o canto geral
Queria como Homero
Fazer odes sobre os heróis
Queria como qualquer poeta
Poetar em versos a vida

Vai demorar pra eu ouvir alguma coisa boa nesse disco da Marisa Monte...

Rolando na Vitrola:Vou Deixar(Skank)

Café Pequeno:Mas o universo parece ser legal. Pride and JoY!

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 18h57
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




Oye Como Va

Você certamente conhece Ricky Martin , Shakira , Menudos , entre outros artistas latinos menos favorecidos. Mas você não sabe que é por causa deste guitarrista mexicano que vem ao Brasil nesta semana para três shows em POA , SP e RJ , que os artistas acima citados fizeram sucesso tão grande. Santana foi o primeiro músico que misturou o pop dos EUA com os ritmos portenhos , como rumba , salsa e merengue.

Santana juntou-se a Mike Shrieve(bateria) ,  Jose Areas(percussão) , Gregg Rolie(orgão , teclados e vocais) , David Brown(baixo) e Mike Carabello(percussão) e formou a Santana Band , que gravou seu primeiro disco pela Columbia , no ano de 1969. O resultado foi uma mistura de pré-hard rock a la Cream com riffs cativantes de guitarra e teclados e a percussão latina que deu todo um swing ao disco. Destaque para "Evil Ways" e a instrumental "Soul Sacrifice". Se o Mettalica e o Van Halen ouvissem esse disco , iam desistir do que fazem.

Depois de ter se apresentado em Woodstock , naquele mesmo ano , o conjunto voltou aos estúdios para gravar "Abraxas" , o melhor disco de Santana e também o mais bem sucedido comercialmente. Com um toque místico e novas influências como Coltrane e James Brown(sentida em "Hope You're Feelin' Better") , o conjunto fez grande sucesso com uma releitura de "Black Magic Woman" , do Fleetwood Mac , outra de "Oye Como Va" , uma salsa do mestre Tito Puente e novamente outra grande faixa instrumental , "Samba Pa Ti".

Após outro disco com a Santana Band , a banda se dispersa e Carlos inicia outra fase de sua carreira , mais voltada para o jazz rock. São dessa fase discos como "Caravanserai" , que continha "Stone Flower" , de Tom Jobim , e "Love Devotion Surrender" , um emocionante dueto com John McLaughlin que trazia "A Love Supreme" , de John Coltrane. Pena que ao passar dos anos , o resultado foi ficando cada vez mais insosso.

Às portas do novo milênio , Santana voltou à velha fase convidando um sem número de artistas como Eric Clapton , Dave Matthews , Rob Thomas e Mana para fazer seu "Supernatural" , um disco mais antenado com o pop em que destacavam "Corazon Espinado" , "Smooth" e "The Calling" , além de "Maria Maria" , uma curiosa mistura do rock com o hip hop dos Dust Brothers. O resultado foram 9 Grammys para o disco , entre eles o de "Álbum do Ano". De lá para cá , o guitarrista também lançou "Shaman" e "All That I Am" , que continuaram com a mesma receita de sucesso.

No more mr. nice guy! No more mensagens cifradas!

Café Pequeno:Pra ver o sol nascer não tem de pagar. It's raining afternoon... Mutante ficará sem PC a partir de amanhã. Mas do jeito que as coisas vão , é bem provável que eu apareça numa LAN da vida.

Rolando na Vitrola:Abraxas , o disco de 1970 do Santana. Só ele mesmo pra me manter ocupado!

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 14h46
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




O Padeiro Recomenda... - Edição XXII

O show de ontem foi ótimo... estou é com medo que os R$150,00 gastos no Santana não serão nada perto do que vi ontem. Cantei o show inteiro , uma explosão de sons e cores. Uh Uh Uh Lá Lá Lá Ié Ié!

Cotações

-Ótimo
-Bom
-Mais ou Menos...
-Ruim
-Horrível

Música

Jonathan Richman & Modern Lovers - Modern Lovers - 1976

Este disco de 76 , gravado a partir de uma série de demos compiladas por John Cale , do Velvet Underground , dão uma idéia da importância deste grupo para a música popular. Eles soam como um pré-punk , a moda do Velvet , na baladaça "Hospital" , ou como Stooges , em "Roadrunner". Vale a pena conhecer , mas se você conhece o Velvet Underground , não achará tanta graça.

Greatest Hits 1 - James Taylor - 1976

Quer coisa mais música de acampamento que Legião Urbana? Pois então está aqui:James Taylor , cantor de hits como "Carolina in My Mind" , "How Sweet It Is" , "Mexico" , "Shower the People" e "You've Got A Friend" , que estão nesta coletânea. O cara veio pro Brasil no 1º Rock in Rio e mandou muito bem , fazendo tanto sucesso que voltou em 1991 para uma série de shows - e o que gerou o hit "Only a Dream In Rio" , dos infames versos "Quando a nossa mãe acordar/Todos os filhos saberão" , presente em Greatest Hits 2.

Ventura - Los Hermanos - 2003

Um bom samba é uma forma de oração , já dizia o poetinha. E é a resposta ideal pra pergunta de "Samba a Dois" , a primeira faixa de Ventura. A banda de Camelo e Amarante toca/canta como nunca antes nem depois feito em sua carreira. Seja no hit "O Vencedor" , na marcha de "Além do Que Se Vê" e no riff grunge de entrada de "Cara Estranho" , os caras mandam bem. Pena que no disco seguinte , só se salvariam duas faixas... "O Vento" e "Condicional".

Cinema

Toy Story - De John Lasseter - 1995

Se você gostou de "Procurando Nemo" , "Vida de Inseto" , "Monstros S/A" e outros filmes do tipo , com certeza também vai gostar de "Toy Story". A história é a seguinte: O aniversário de Andy(John Morris) está chegando e os brinquedos estão nervosos. Afinal de contas, será que um deles será esquecido por alguma nova maravilha da tecnologia? Este é o dilema central de Toy Story, que nos apresenta a história de como Woody(Tom Hanks), um caubói do faroeste, e Buzz Lightyear(Tim Allen), um astronauta do espaço, se conhecem e disputam a preferência de Andy.

Literatura

Iluminando Anjos e Demônios - Simon Cox - Ed. Bertrand Brasil

O livro de Simon Cox é destinado a burilar o que é verdade e o que é ficção no segundo best-seller de Dan Brown , "Anjos e Demônios". Só que o livro , em vez de manter uma linha agressiva , fica covarde e acaba por só apresentar fatos , sem argumentá-los. Mas mesmo assim é um bom livro , que acaba virando uma pequena enciclopédia sobre Roma , Vaticano , ciência e sociedades secretas. 

I wanna take you higher! Who really cares?

Rolando na Vitrola:O disco inteiro do Marvin Gaye , "What's Going On". Empatado com "I Never Loved a Man the Way I Love You"(Aretha Franklin) como o melhor disco de soul de todos os tempos(menção honrosa pra "Tim Maia" , de 1970)

Café Pequeno:Live life for the children. O mundo é um grande pão com manteiga e café com leite! Eu vou pular em cima de você , e não importa sabe porque? Porque a UNIMED é quem paga! Seja como for , seria muito mais que anormal eu ter você!

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 21h40
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




Saturday Night It's Alright!

Hoje , o post é duplo sobre o Pato Fu. Duplo porque no Miscelânea S/A estou falando sobre "Televisão de Cachorro" , disco de 1997 da banda mineira. E porque hoje a noite vou vê-los em ação no SESC Santo André com mãe e Bia. Que o show vai ser bom é quase certeza. A questão é se ele vai ser bom , muito bom ou excelente - a ponto de ganhar do show do Toquinho , que até agora é o melhor que assisti(promessa de mudança hoje ou sexta que vem , no show do Santana!).

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 17h39
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




Ute , Ute , Eu Quero Entrar no Seu Orkut!

Antes de tudo , gostaria de lembrar que este é um post comunitário organizado pela Micha. O tema desta vez são as comunidades do orkut...

Ute , Ute , Eu Quero Entrar no Seu Orkut!

Quem me conhece sabe que eu adoro música. Das 281 comunidades que tenho até agora , 141 estão relacionadas a música , aproximadamente 50% das comunidades - seja ela sobre um estilo - Jazz Mp3 - , uma banda nova do Recife - Mombojó - , um letrista obscuro do Beach Boys - Van Dyke Parks - ou um grupo consagrado - U2 Brasil. 

O que sobra pode ser tanto sobre piadas idiotas , sobre datas de nascimentos , trocadilhos irônicos , sobre o Brasil , programas de TV , escritores , ou "eu odeio ..." , ou eu "amo ..." ou ainda "eu leio".

Sobre criar comunidades , eu diria que já criei pouco mais que cinco... uma em homenagem ao meu melhor amigo , uma sobre a escola , uma sobre a chatíssima professora de Matemática que a gente tem. E poderiam haver outras tantas , mas que infelizmente alguém já havia criado antes.

Mas o melhor de tudo no orkut ainda são as músicas de que ele faz parte. Seja no sertanerd de Ewerton Assunção - "Eu Vou Te Deletar , Te Excluir do Meu Orkut" - ou no funk escrachado de Rodney Dy(aquele mesmo da pamonha) - "Funk do Orkut".

Ao som do melhor disco já feito...

Café Pequeno:Alguém já se tocou que é quando lavamos louça que aparecem as melhores idéias? Não fale , feche seus olhos e fique comigo. Eu espero o dia que você vai entender tudo isso. Mas fato é que eu não fui feito pra esses tempos. Eu queria ser Kevin Arnold!

Rolando na Vitrola:Pet Sounds(Beach Boys)/I'm Waiting For The Day(Beach Boys)/I Know There's an Answer(Beach Boys)

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 20h51
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




Ninety Nine And a Half

Podem me xingar , mas apresento aqui a minha lista de melhores discos dos anos 90. Eu quase considerei "Nevermind" hours-concours , mas deixa pra lá. Comentários mais pra baixo.

Os Dez Melhores Discos da Década de 90

1º Nirvana - Nevermind
2º Sigur Rós - Agaetis Byrjun
3º Neil Young - Sleeps With Angels
4º Morphine - Cure for Pain
5º Cowboy Junkies - Pale Sun Crescent Moon
6º REM - Out of Time
7º Weezer - Weezer
8º Neil Young - Harvest Moon
9º Teenage Fanclub - Grand Prix
10º Santana - Supernatural
11º Eric Clapton - Unplugged (vale como menção honrosa)

A lista é simples e complexa. Tem de tudo um pouco. Grunge , o movimento da década , com "Nevermind"(Nirvana). Tem um dos maiores poetas do rock , com dois discos , "Sleeps With Angels" e "Harvest Moon" , do Neil Young. Tem o pop estranho do Morphine , com sax baixo e bateria , no álbum "Cure for Pain". Tem o folk-rock feminino do Cowboy Junkies e a voz deliciosa de Margo Timmins em "Pale Sun Crescent Moon". . O nerd-rock do Weezer em sua melhor fase , a de estréia. O som celestial do Sigur Rós em seu melhor disco até agora.  Dois mestres da guitarra , seja voltando à velha forma(Santana) ou voltando-se para os violões(Clapton).E tem o britpop de Teenage Fanclub e os hits pop do REM em "Out of Time".

As ausências mais sentidas talvez sejam Oasis(de quem só consegui gostar de "Lyla") , Radiohead(é legalzinho , mas não o suficiente) , Red Hot(legais , mas nem tanto. muito funk pro meu gosto) , o Belle and Sebastian(de quem adoro , mas garanto ter ouvido pouco para opinar) e uma ou outra banda britânica como o Blur. Semana que vem , a lista nacional , muito mais difícil de fazer , mas mais fácil de digerir.

Mama's out!

Café Pequeno:Liga pra ela Bruno! Vamo até lá? Vamo... então liga! Ah não... quer saber... vou ligar! Você tá falando sério? Tô! Não acredito...Deixa pra lá vai!

Rolando na Vitrola:A Century of Elvis(Belle & Sebastian)/Vou Deixar(Skank)

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 18h35
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




Poemeu


Tributo

Bruno Capelas

Eu queria mesmo
É ser um poeta capaz
De homenagear
Àquelas que amo

Mas minha jovem idade
E pouca habilidade
Só fazem atrapalhar
A quem não sabe o que falar

A mãe , a irmã , a filha
A melhor amiga , a tia
E ela , minha amada

Cantada por outros poetas
Que tinham realmente o que dizer
Enquanto este não sabe escrever

Mas o que vale mesmo é a intenção
Portanto digo de coração
Obrigado à vocês
Tema dessa humilde canção

(Faltou a amada , mas ter uma foto das três principais mulheres da minha vida juntas é pedir demais)

And everybody knows she's a femme fatale!

Café Pequeno:Todas elas juntas num só ser. Ela e seus meninos fofos , eu e ela. Estávamos ali encostados na parede. C'mon baby , light my bossa.

Rolando na Vitrola:Ela(Elis Regina)/Light My Fire(Maysa)/Here Comes the Sun(Nina Simone)

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 20h52
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




O Terminal

O Terminal - 2004 - De Steven Spielberg

Há alguns meses atrás , dois chineses chegaram no Brasil e não puderam entrar oficialmente. Ficaram então presos no saguão do aeroporto de Congonhas e estão lá até hoje. Parece brincadeira , mas é quase essa a história de "O Terminal" , um dos melhores filmes de Spielberg , com a participação de Tom Hanks e Catherine Zeta-Jones.

Hanks é Viktor Navorski , um habitante da Cracóvia , país fictício que acaba de entrar em guerra civil. Ele tenta chegar aos Estados Unidos , mas não consegue pois fica travado no aeroporto , devido à instabilidade do governo de seu país. Lá , faz diversos amigos e acaba encontrando com Zeta Jones , ou melhor , Amanda , uma aeromoça de meia-idade.

Outro destaque é Stanley Tucci , no papel do oficial Frank Dixon , que tenta a todo tempo encriminar Viktor e não consegue , parecendo um desenho do Coyote e Papa-Léguas. No fim das contas , é uma boa comédia e também com uma bela mensagem. O único problema é que em algumas horas o filme fica meloso devido à Zeta Jones. Mas Hanks e Spielberg continuam em velha forma.

Risoto , bolo e sopa.

Rolando na Vitrola:Garota Cor de Fogo(Sapatos Bicolores)/Vou Deixar(Skank)/Anormal(Pato Fu)

Café Pequeno:Se cada um por si é que a lei...

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 20h52
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




Magic Numbers

Magic Numbers - Magic Numbers - 2005

Se John Phillips , lendário fundador do Mamas and Papas , ressucitasse hoje , ele ficaria abismado com o quarteto inglês do Magic Numbers. E não é pra menos... os casais de irmãos Romeo e Michelle Stodart e Angela e Sean Gannon são o Mamas and the Papas misturado com a melancolia romântica de um Cohen e a beleza melódica de um Paul McCartney ou dos caras do Teenage Fanclub , entrando de vez em quando um gospel-country à la Byrds/Presley(como em "Try").

Não julgues o livro pela capa! Os caras do Magic Numbers são gordinhos , feios e no caso de Romeo e Sean , conservam cabeleiras e barbas enormes. Mas suas vozes e instrumentos recompensam tudo. Dá pra constatar isso em "Wheels on Fire" , uma canção quase à capella , acompanhada apenas por uma guitarra jazzy e uma bateria segura. Também em "Forever Lost" , melodia corrida e que saca do ritmo acelerado pra falar dos desencontros da vida - "Porque eu já estou pra sempre perdido".

Tem "Mornings Eleven" , sobre encontros e confusões - "Qual é meu nome? Eu já nem sei mais" - e um piano da melhor fase Strawberry Fields dos Beatles. Tem "Love's a Game" , música fofinha cujo clipe vive rodando de manhã na MTV. E tem "Hymn for Her" , faixa escondida que lembra os melhores tempos do Belle and Sebastian e lembra música barroca.

Na verdade , o disco é ideal para pessoas alegres , que não tem problemas e adoram um pôr-do-sol. É um disco para ser ouvir ao amanhecer e ao anoitecer. Para um dia de sol com vento na cara. Ou para alegrar um dia de chuva. Para pessoas tristes , já que as letras falam de melancolia amorosa. Para pessoas que gostam de cantar. Para todo tipo de pessoas. Não há contra indicações ao som dos Magic Numbers!

The Magic Numbers - 1º disco dos Magic Numbers. Magic Numbers é Romeo Stodart(vocais e guitarra) , Michelle Stodart(baixo e backing vocals) , Angela Gannon(backing vocals e melódica) e Sean Gannon(bateria)  Distribuído pela EMI. Tracklist:Mornings Eleven , Forever Lost , The Mule , Long Legs , Love Me Like You , Which Way to Happy , I See You You See Me , This Love , Wheels on Fire , Love's a Game , Try , Hymn for Her.

Fico feliz pela Academia ter saído do favoritismo...

Rolando na Vitrola:Lunático(Cachorro Grande)/Meu Primo Zé(Camisa de Vênus)

Café Pequeno:Mas o Gyllenhaal perdeu... ou ela é muito burra ou se faz de muito burra. Talvez seja só charme pra despistar. Como em tudo que ela faz. Debaixo do meu chapéu , com o nariz gelado , meu chapéu tipo Bob Dylan me ajuda a pensar. Eu só queria saber qual o preconceito com o Dança com Lobos! É um filmaço!!

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 20h42
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




O Padeiro Recomenda... Oscar

Em domingo de Oscar , o padeiro falará sobre 5 grandes filmes ganhadores do Oscar e 1 superestimado. Antes que alguém pergunte pelos Poderosos Chefões , Silêncio dos Inocentes , Noviça Rebelde , etc. , já vos digo que só citei filmes que já assisti.

Cotações

-Ótimo
-Bom
-Mais ou Menos...
-Ruim
-Horrível

Casablanca - 1942 - Dir:Michael Curtis

Durante a Segunda Guerra , em meio às invasões alemãs , Rick(Humprey Bogart) e Ilsa(Ingrid Bergman) viveram uma paixão intensa. Porém , tiveram que se separar e se reencontram anos depois , em Casablanca , Marrocos , ponto de saída para a América. Só que Ilsa está casada com Victor Lazlo(Paul Henreid) , gerando um triângulo amoroso cujo pano de fundo não poderia ser mais assustador. E ainda tinha "As Time Goes By" , uma das maiores canções de todos os tempos. Ganhou também Melhor Direção e Melhor Roteiro.

Rain Man - 1989 - Dir:Barry Levinson

Rain Man é quase um road-movie. O yuppie Charlie Babbit(Tom Cruise) fica sabendo da notícia da morte de seu pai e após o enterro , descobre que tem um irmão autista , Raymond(Dustin Hoffman). A partir daí , Charlie levará Raymond - o Rain Man - para Los Angeles , de carro , numa viagem de redescobertas e surpresas. Um belo filme , com destaque para a atuação que valeu o Oscar para Hoffman. Ganhou também Melhor Diretor e Melhor Roteiro Original.

Dança com Lobos - 1991 - Dir:Kevin Costner

Em sua estréia na direção , Costner faz um belo filme sobre os nativos dos Estados Unidos. Durante a Guerra Civil, um jovem soldado (Costner) pratica uma ato ousado, é considerado herói e vai servir por sua escolha em um lugar com forte predominância do povo Sioux. Com o tempo ele assimila os costumes dos nativos, acontecendo uma aculturação às avessas. Um épico emocionante , que ganhou 7 Oscars:Filme , Direção , Roteiro Adaptado , Trilha Sonora , Edição e Som.

Beleza Americana - 2000 - Dir:Sam Mendes

Podem me xingar , mas "Beleza Americana" é um filmaço. Uma crítica severa ao american-way-of-life , com destaque para os papéis de Kevin Spacey como o quarentão frustrado , Annette Bening como sua esposa e Chris Cooper como o vizinho militar dos dois. E o pior de tudo é que a mediocridade americana parece estar invadindo o Brasil. Ganhou 5 Oscars:Filme , Diretor , Ator para Spacey , Roteiro Original e Fotografia.

Forrest Gump - 1994 - Dir:Robert Zemeckis

Talvez de todos da lista o melhor. Forrest Gump(Tom Hanks) é um rapaz com QI abaixo da média , que por acaso do destino , participa de momentos importantes da história dos Estados Unidos , como a Guerra do Vietnã e Watergate. A trilha é um desbunde , tendo de Byrds a Aretha Franklin , com Buffalo Springfield , Beach Boys e Allman Bros. Ganhador de 6 Oscars:Filme , Direção , Ator(Hanks) , Roteiro Adaptado , Efeitos Especiais e Montagem.

Titanic - 1998 - Dir:James Cameron

É um absurdo que esse filme tenha ganho 11 Oscars , igualando-se ao épico Ben Hur e ao viajante O Retorno Do Rei. A história é a mais babaca possível - aventureiro encontra ricaça no Titanic e vivem amor proibido. Mas ele acaba morrendo depois que um iceberg se encontra com o navio. Ganhou com Filme , Diretor , Direção de Arte , Fotografia , Figurino , Efeitos Sonoros , Som , Efeitos Especiais , Montagem , Trilha e Canção(a chatíssima My Heart Will Go On").

Que vençam os melhores. Só estou torcendo para o Jake Gyleenhaal como Coadjuvante.

Rolando na Vitrola:Forever Lost(Magic Numbers)

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 15h25
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




we get a little crazy...

ronzi me convocou pra contar cinco manias minhas... diria eu que não são grandes coisas , mas também não muito babacas. a verdade é que quase toda mania é louca. e como na música do seal , regravada pela alanis em uma versão modernete e interessante , todos nós ficamos um pouco loucos.

zero - o pesquisador

ficar descobrindo grupelhos exóticos do norte da irlanda ou do sul da patagônia é um passatempo um tanto quanto divertido e passador de tempo para mim. o problema é quando alguém fala super bem do conjunto e é o maior mico...

uno - o mordedor

morder tampas de canetas , partes traseiras de lápis , depósitos de apontadores , capinhas de borrachas , suportes de tesouras. vício que tenho e que se sucedeu a ficar mordendo os cordões de blusas. 

dos - o batucador

desde que comecei a tocar violão , todos os ritmos que uso ficam na minha cabeça e começo a batucá-los. seja com os dentes , com as unhas , com os pés , com o estalar dos dedos , com palmas... coisa de principiante.

tres - o sábio

logo que alguém começa a me dar uma bronca , eu já vou falando "eu sei , eu sei" , só pra ver se o cara me desconta logo. o problema acontece quando o cara pergunta "o que você sabe" ou diz "se soubesse mesmo , não fazia". sorte do renato russo , que dizia que sabia e ninguém perguntava.

catorce - o sem-graça

ficar fazendo trocadilhos toscos e piadas bobas no meio das aulas , em casa ou em qualquer lugar é quase um hobby. o problema é que além de mim , ninguém ri das piadas. mas vamos ser sinceros... rir não é bom? então deixem me rir , preciso andar , vou por aí a procurar.

(acorda amor , né adelaide?)

yeh... i said it's allright!

alone again or. uma casa não é motel. chemistry , radioatividade , kraftwerk , marie curie.

alone again or(love)/ohm sweet ohm(kratwerk)

fui!



- Postado por: Mutatis Mutante às 12h58
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




Rér

rér - do ingles hair e her. hair , da peça da broadway(let the sunshine in). her de and i love her , dos beatles. tudo isso porque eu cortei o cabelo. cansei de escrever. perdi o post , que tava muito legal. hoje o post vai ser curto... mas quer saber... vou ressucitar alguns textos... o de hoje foi feito ano passado , baseado nas cãopozições imfãtis do Millôr Fernandes.

O Computador
Bruno Capelas

O computador é uma máquina grande que tem várias partes. Tem aquele retângulo comprido , cheio de quadradinhos , o teclado. Tem aquele bichinho redondo , que a gente põe a mão e ele faz um barulhinho , o mouse. Tem uma tela grandona que parece uma televisão , mas que em volta é tudo branco em vez de ser preto , e ele se chama monitor. Tem também uma caixona enorme , prateada , que é onde o papai diz que tá todo o computador. Além disso tem um negócio que a gente põe papel branco em cima e ele sai todo pintadinho embaixo. Esse treco faz muito barulho , e toda hora tem que trocar uma coisa muito cara chamada cartucho.

O papai e o maninho não saem do computador , eles brigam demais por causa disso. A mamãe vive dizendo pro maninho sair um pouco do computador , mas ele fica bravo e não sai nunca de lá. Eu gosto do computador quando o papai põe uns ursinhos que adoram cair pra eu ver. Ele até deixa eu pegar no bichinho , o mouse e eu faço os ursinhos cairem. É muito engraçado. Agora eu tenho que ir , que o maninho tem que postar no blog e precisa usar o computador.

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 23h01
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




Mamonas e Mutantes

Hoje é meu aniversário e da Lulu , mas também fazem dez anos da morte dos Mamonas Assassinas.

Mamonas Assassinas - Mamonas Assassinas - 1995

"Atenção Creuzeback. Início ao toque de quatro Já Vai. Jájájájá vai!". Um disco iniciado assim é uma piada genial , como era Mamonas Assassinas , a banda e o álbum. Talvez fosse neste disco o último momento de inocência no rock brasileiro. Formada em Guarulhos , a banda só atingiu o sucesso após mudar seu perfil - de banda séria , chamada "Utopia" , para ao que todos conhecemos. Porém , em Março de 1996 , a banda sofre um acidente de helicóptero , morrendo todos os integrantes da banda(a saber:Dinho - vocais , Samuel Reoli - Baixo e vocal , Júlio Rasec - teclado e vocal , Sérgio Reoli - bateria e vocais e Bento Hinoto - guitarra , vocal e violão).

O disco em si é uma anarquia total , com críticas e sacadas geniais. Enquanto "1406" é uma mostra dos sonhos de consumo da população pobre do Brasil , "Vira-Vira" é uma zoação com a comunidade portuguesa e fala sobre uma suruba na qual Manuel , personagem principal , foi convidado. "Pelados em Santos" demonstra um amor romântico , quase impossível , por uma mulher esnobe , com toques de Reginaldo Rossi e "Chopis Centis" descreve um dia no shopping , ironizando McDonald's , Casas Bahia e Van Damme(com direito a rimar este último com andaime...).

"Jumento Celestino" contém uma crítica bem-humorada à migração nordestina para São Paulo , já "Uma Arlinda Mulher" é a saga de "um banho de loja" numa mendiga , vista a grosso modo. "Cabeça de Bagre II" critica a educação do país("O Brasil é Tretacampeão... quando eu repeti a 5ªsérie") e "Mundo Animal" é uma visão cômica e infantil do mundo animal , logicamente. "Robocop Gay" , segundo maior sucesso do disco , contém um Dinho com vocais totalmente afetados e conta a história de um homem ao se transformar em gay - o que hoje poderia ser somente metrossexual(e inclui "Doce Doce Amor" , de Jerry Adriani como música incidental).

Eu já falei sobre Reginaldo Rossi e as músicas de corno nessa resenha? "Bois Don't Cry" , é uma típica zoação com o gênero , assim como Falcão o fizera alguns anos antes. "Débil Metal" é um grunge cantado em inglês , com uma letra totalmente nadavê("Walking in the dark/now there's just some cookies") e vocais à la Max Cavalera na fase Sepultura. "Lá Vem o Alemão" , a faixa final , zoa totalmente com os pagodeiros que já começavam a atormentar a cena musical que cantavam músicas de corno. Para tal , convocaram até um legítimo pagodeiro(Leandro Lehart , do Art Popular , para tocar junto com eles).

E ainda sobrou espaço para duas vinhetas , "Sabão Crá-Crá" , quase uma propaganda publicitária para sabonetes e "Sábado de Sol" , composta por Rafael , ex-apresentador da MTV , ex-cantor do Baba Cósmica , e atualmente um ilustre desconhecido , que narra uma divertida epopéia na qual há um confronto entre favelados e maconheiros por um pouco de feijão. Presença obrigatória em qualquer excursão escolar...

E DEPOIS:O disco inicialmente tinha previsão de vender 50 mil cópias. Porém , as crianças gostaram tanto do som da banda que puxou a carreira deles para cima , chegando a vender 2,3 milhões de cópias. Como já dito , morreriam num acidente e se tornaram mártires. Se tivessem gravado o segundo disco , provavelmente teria sido o maior sucesso fonográfico do país , batendo o Tchan.

Abraços gripados... e precisando de um chocolate quente - Lulu , manda um capuccino!

Café Pequeno:Mary Won't You Call My Name? Muito obrigado a todos que fizeram ponto pela Padoca hoje , estabelecendo um recorde de comentários num único dia! Pra quem perguntou sobre o livro da Cássia , vale e muito a pena o investimento. E aproveite e compre o Acústico ou Cássia Eller , de 94. Ou ainda "Com Você...".

Rolando na Vitrola:Thursday(Morphine)/Anniversary Song(Cowboy Junkies)/Meu Aniversário(Nando Reis)

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 23h49
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________




Latino Americano Som

Well... depois de um carnaval extasiante - onde só sambei na frente da TV , exceto em uma noite especial que contarei em outro dia - Mut volta às vésperas de seu aniversário. O computador ficou em casa porque o técnico - quer dizer , o meu pai - não arrumou o PC e ficou para um próximo feriado.

Mas eu queria mesmo é comentar sobre o desfile da GRES Unidos de Vila Isabel , sobre a América Latina. Com muito luxo e muito patrocínio , um bom samba que não se vê há tempos no Carnaval e sobre os auspícios do mestre Joãozinho Trinta , o carnavalesco Alexandre Louzada(do campeão "Chico Buarque da Mangueira" , de 1998) planejou um belo desfile , com muito uso de palha , alas que misturavam os Andes e os Astecas e um Simon Bolívar gigante. Um campeonato merecido , após 18 anos sem vencer - a primeira e última vez havia sido em 1988 , com "Kizomba - A Festa da Raça".

Abraços voltando às atividades normais.

Rolando na Vitrola:É Hoje(GRES União da Ilha)/Anniversary Song(Cowboy Junkies)

Café Pequeno:Mas nem só de samba vive o Carnaval do Mutante. Dá-lhe Ludov em CD , Jeff Healey em mp3 e Cássia Eller em livro.

FUI!



- Postado por: Mutatis Mutante às 21h39
[ ] [ envie esta mensagem ]

______________________